Butô

As luzes se apagam e lentamente se iluminam, mostrando estranhos seres de cabeça raspada, totalmente pintados de branco, vestindo inusitadas roupas que lembram vestes talares. Ao som de uma música que é mais uma sequência de rítmos

Veja Mais »

Corpos Nus

A fotografia, criada em meados do século XIX, teve extraordinária difusão no século seguinte, o recém passado século XX. Quer seja como registro histórico, ampliando de forma até então inusitada a iconografia de uma época, de seus

Veja Mais »

Bispo na Bienal

Bispo na Bienal (*) Sérgio Telles Talvez se confunda a criatividade do gênio e do artista com as excentricidades do louco, porque nenhum deles segue à risca as convenções sociais compartilhadas pela maioria. Mas a loucura supostamente

Veja Mais »

Cabeça de Medusa, de Caravaggio

Cabeça de Medusa, de Caravaggio (*) Sérgio Telles Como expor obras-primas? Como educar o grande público para a importância do inestimável acervo artístico-cultural guardado nos museus? Como transmitir para as novas gerações esse legado e fazê-las respeitá-lo,

Veja Mais »

Fugacidade

Fugacidade (*) Sérgio Telles Em algumas veredas do Ibirapuera, vindas das profundezas, as raízes das árvores emergem rompendo o asfalto. Tempos atrás, a administração do parque ressaltou aquelas fraturas com uma tinta branca, talvez para que os

Veja Mais »

Olhos para ver a pequena macaca de Degas

Um filme como “Cisne Negro” apresenta o balé da maneira com a com a qual estamos habituados – uma refinada forma de arte onde o corpo transcende sua materialidade, expressando elevados sentimentos enquanto evolui ao som da

Veja Mais »

As Filhas de Edward Darley Boit

  Em “’Moisés’ de Michelangelo”, Freud embarca numa discussão travada entre os conhecedores da obra do gênio da Renascença, que especulavam sobre os motivos que o teriam levado a representar Moisés da forma como o fez –

Veja Mais »

A massa e o artista frente ao lider

A exposição de  Gil Vicente na Bienal 2010 É inequívoco o teor político de “Inimigos” trabalho de Gil Vicente agora exposto na Bienal.  São “auto-retratos” do artista matando Lula, FHC, Rainha Elizabeth, Papa Bento XVI, Kofi Annan,

Veja Mais »

O nome proprio e o desejo da Mãe

Van Gogh, que suicidou-se aos 37 anos, em 29 de julho de 1890, ergue-se atualmente como o maior mestre holandês depois de Rembrandt. É reconhecido como uma das maiores forças que impulsionaram a arte moderna, através da

Veja Mais »